domingo, 22 de julho de 2018

PUBLICIDADE Master House TOP Banner 2
Nova franquia da Patroni custa a partir de R$ 625 mil

Nova franquia da Patroni custa a partir de R$ 625 mil

31, jan 2018

A Casa do Don, que marca a entrada da rede no mercado de casual dining, completa o leque de modelos de negócios da empresa para iniciar internacionalização

Após três décadas de existência e atuando no segmento de fast-food em shopping centers desde 1997, a Patroni, rede de franquias de pizzaria, anunciou em 2017 sua entrada no mercado de casual dining, lançando a marca Casa do Don. A empreitada teve início no último mês de dezembro, com a abertura do primeiro restaurante com o novo conceito, na cidade de São Paulo.

O formato casual dining surgiu nos EUA na década de 60, e tem conquistado espaço no Brasil nos últimos anos. Uma pesquisa realizada pela GS&MD mostra que as classes A e B optam pelo modelo como uma forma de fugir da rotina, enquanto a classe C frequenta estes locais em ocasiões especiais, por conta do custo-benefício. Estima-se que até o ano de 2020 haja um crescimento anual desta fatia do mercado de 25%, maior que o dobro da taxa média de crescimento do setor de restaurantes pelo país.

PUBLICIDADE

A Casa do Don busca fazer com que o cliente tenha a sensação de estar em um verdadeiro filme de gangster. O conceito, a arquitetura e a cenografia foram projetados pelo diretor de marketing da rede, Rafael Augusto, em parceria com a produtora de cinema Edu Felistoque. “Cada detalhe foi pensado e elaborado com base em um lema: originalidade. Desde a iluminação aos grafites que contam a história da Patroni, sempre com foco na importância da família. O menu segue o passo a passo tradicional italiano de uma verdadeira jornada gastronômica, com entradas, primeiros pratos, segundos pratos e sobremesas. Nosso chef, Plinio Favaro, trouxe toda a experiência de conceituadas redes em que atuou, como o PJ Clarke’s, um dos bares mais antigos de Nova York”, conta.

Para fora do Brasil

O presidente e fundador da Patroni, Rubens Augusto Júnior, conta que a nova casa faz parte de um projeto de expansão que visa internacionalizar a marca em 2018. “Estudei o mercado americano por quase uma década. O conceito casual dining é bastante promissor, e chegou a hora de expandir o campo de atuação sem sair do mercado que a gente já conhece e domina bem, fazendo o que amamos”, comenta.

O executivo completa contando que o plano de crescimento para a Casa do Don é ter lojas bem localizadas, seguindo a mesma estratégia nos EUA, em locais como Chicago, Nova York, Miami e Orlando. O valor para internacionalizar a operação é de aproximadamente 1 milhão de dólares. No Brasil, para abrir um restaurante com a nova bandeira, o franqueado terá que desembolsar, no mínimo, 625 mil reais.

Além da Casa do Don, a rede conta com outros três modelos de negócios: Patroni Clássica, Patroni Premium e Patroni Expresso. Os valores de investimento variam de 200 mil a 1 milhão de reais.



PUBLICIDADE


Nova franquia da Patroni custa a partir de R$ 625 mil
Avaliação

Copyright © TOP Franquias - 2018 - Todos os direitos reservados.
Algumas imagens podem ser marcas registradas dos seus respectivos proprietários.
Termos de uso e responsabilidade