domingo, 23 de abril de 2017

PUBLICIDADE Master House TOP Banner 2
Por que algumas franquias têm rápida ascensão e rápida queda?

Por que algumas franquias têm rápida ascensão e rápida queda?

28, jun 2016

A resposta é simples, porém sua raiz é bem complicada. Nós estamos vivendo tempos bem diferentes do que os vividos há 10 anos, analisando a fidelização de clientes.

 

Hoje em dia, para fidelizar clientes no franchising é preciso fazer bom uso das ferramentas de marketing intangíveis, que vem a ser a identificação do cliente com a marca em questão quanto aos seus valores, atitudes e valor agregado de imagem. Intangível é algo que não conseguimos materializar, como um sentimento.

PUBLICIDADE

É a personalidade da marca ou franquia que transmite esse sentimento através de imagens e posicionamento de marca, indo de encontro às necessidades do mercado, resultando num vínculo emocional e afetivo com o cliente.

E é também este posicionamento define a sobrevivência das marcas. Não é difícil encontrar por aí produtos de qualidade, bons serviços e uma boa estrutura física. O segredo do sucesso está no “Q” a mais.

Há alguns anos, o foco das empresas em geral era automatizar seus sistemas, sua cadeia de produção a fim de gerar ativos financeiros cada vez maiores. Deu-se então o surgimento das redes sociais, a liberdade de expressão ao público apesar de servir como uma fonte inesgotável de feedbacks, também abriu espaço para comentários não tão agradáveis (que na maioria das vezes são motivados por decisões de cunho pessoal, por exemplo, o atraso no atendimento), então essas pessoas podem fazer um estrago na imagem de sua empresa e acabar contaminando outras.

Assim, o marketing de franquias nos dias atuais está indo em direção a uma segmentação diferente, unindo diferentes formas de apresentação. O foco das campanhas de marketing deixou de ser visual para ser sensorial, baseando-se no valor agregado da experiência de compra e como isso pode se tornar viral através de um post.

A experiência da compra vai da entrada do cliente em uma franquia, passa por seu atendimento, estrutura, serviço oferecido, qualidade do produto, preço e posicionamento das marcas.

Na televisão, podemos observar facilmente algumas campanhas de franquias bem sucedidas. Desafio você a prestar atenção na linguagem usada nos comerciais e nas referências usadas nas campanhas. Seja um ritmo de música que está em evidência, um bordão de alguém famoso, entre outros, algo sempre é usado para aproximar o público-alvo. Isto acontece porque grandes empresas têm definido os que consomem seu produto, por mais que se queira vender para o maior número de pessoas, não se pode vender para todo mundo. O ser humano vive em uma época de diferenciação, da personalização de produtos ou serviços, se o foco de uma franquia for vender para todas as pessoas, que satisfação o cliente terá ao perceber que ele faz parte de uma maioria, igualitária e consumidora dos mesmos valores?

Com o foco do posicionamento da marca ou franquia está diretamente ligado ao posicionamento das pessoas definidas como seu público-alvo, os produtos e estruturas tornam-se obsoletos rapidamente, se não houver uma experiência marcante provavelmente determinada marca será rebaixada a sua mera existência sem ocupar um lugar de destaque na decisão de compra de seus clientes.

No franchising é preciso ser lembrado, é preciso ter personalidade e pessoalidade, é necessário entender que as marcas precisam de um nicho de pessoas bem definido para sua atuação, criando valores específicos. Tanto para a venda de unidades quanto para a geração de demanda do público alvo.

A velocidade com que as coisas mudam e as novidades surgem, o público fica mais voraz em consumir tais novidades, levando em consideração novamente o fator rede social, as experiências ocuparam um lugar de destaque na vida das pessoas diretamente ligada à satisfação e status. Desta forma é possível identificar porque algumas marcas não se perpetuam no mercado, porque não são lembradas, justamente por não obterem o diferencial competitivo da personalidade.

Algumas franquias entram no mercado desprezando o poder da imagem perante os olhos de seu público, utilizando-se apenas das formas básicas de comunicação de valores, talvez uma atendente mal treinada pode desqualificar toda sua bela estrutura física aos olhos do cliente, é necessária uma operação bem definida e com modos de operação únicos para que realmente a alma do negócio esteja impressa em todas as rotinas da marca.

Para o franchising isto é ainda mais importante, pois todo este know-how será replicado em forma de padronização, e o cliente ou investidor irá buscar aquela imagem e experiência onde existem franquias e/ou serviços de determinada marca ou segmento. O fator sustentação está na fidelização do público bem como o atrativo de venda de uma unidade.

Concluindo o declínio de uma marca está em apenas apostar naquilo que os olhos vêm, é preciso mais que um produto, é preciso uma experiência memorável.



PUBLICIDADE


Avaliação

Copyright © TOP Franquias - 2017 - Todos os direitos reservados.
Algumas imagens podem ser marcas registradas dos seus respectivos proprietários.
Termos de uso e responsabilidade