quarta, 13 de novembro de 2019

PUBLICIDADE Franquia Kohls
Sem concorrência, Enjoy expande número de franquias

Sem concorrência, Enjoy expande número de franquias

Usando estratégia do Oceano Azul, rede Enjoy faturou 62% a mais em 2018 comparado ao ano anterior, e previsão é que ritmo se mantenha em 2019

Inglês profissionalizante é um termo que, talvez, ainda seja desconhecido para uma grande parcela das pessoas, mas já é realidade em diversas cidades brasileiras, graças à Enjoy, única rede do país a oferecer o ensino do idioma atrelado a habilidades exigidas pelo mercado de trabalho. Confirmando a tendência de expansão, neste mês, a marca celebrou a conquista da 50ª unidade, e prevê que outros 20 contratos de novos franqueados sejam firmados até o fim de 2019.

Fundada em 2006 pelos sócios Denis Sá e Oswaldo Segantim – principais executivos do negócio até hoje –, a Enjoy criou uma metodologia própria que visa proporcionar a jovens de 11 a 18 anos, das classes C e D, a imagem e a capacitação cruciais parao desenvolvimento de profissionais de sucesso. “O conceito de inglês profissionalizante surgiu ao entendermos as ferramentas necessárias para um profissional completo. Só o inglês não é suficiente para que um jovem tenha um bom trabalho. Só informática não supre todas as necessidades. Só um curso profissionalizante não contempla os requisitos para que um jovem seja visto e contratado pelas empresas com oportunidades abertas. Então, só acreditamos na qualificação completa em todas as áreas que o mercado exige”, explica Sá.

PUBLICIDADE

E o negócio está cada vez mais fortalecido, desbravando um nicho não explorado e que tem demonstrado maturidade e viabilidade. Em 2015, a marca aderiu ao sistema de franchising. De lá para cá, são 36 unidades em operação e outras 14 em fase de implementação, o que movimentou cerca de 23 milhões de reais em 2018, representando um crescimento de 62% frente ao período anterior. Embora o ritmo de expansão esteja acelerado, a Enjoy já planeja cadenciá-lo no futuro próximo. Para 2019, nossa meta é chegarmos a 70 unidades. Depois que alcançarmos a marca das 100 escolas, pretendemos comercializar novas franquias somente para os franqueados que já fizerem parte da rede. “Nosso plano prevê que cada franqueado tenha, no mínimo, quatro unidades”, revela Denis Sá.

Foco nas classes mais populares

A escolha da Enjoy por seguir o caminho de oferecer formação a jovens das classes C e D não foi um acaso, tampouco apenas uma estratégia de mercado, embora tenha sido uma decisão acertada. “Há uma sinergia muito grande com a história dos fundadores. Oswaldo e eu viemos de comunidade e sentimos na pele os desafios que os jovens dessas classes sociais enfrentam”, conta o executivo.

Além do conhecimento nas áreas de Administração, Marketing Digital, Programação e Design Gráfico, as escolas da rede desenvolvem aspectos comportamentais do adolescente, como a confiança, por exemplo. “A grande responsável pelo sucesso do ser humano, independentemente da idade e de sua condição social, é a inteligência emocional. Não adianta tirar o jovem da miséria sem tirar a miséria de dentro dele”, completa Sá. Por isso, cada unidade conta com profissionais de Recursos Humanos e Psicologia, que prestam auxílio aos alunos.

A franquia Enjoy

Para ser um franqueado da marca, é necessário um investimento de cerca de 250 mil reais, que já contempla a Taxa de Franquia, fixada em 50 mil reais. O negócio proporciona um faturamento médio mensal de 100 mil reais, possibilitando um retorno do valor aportado após 16 meses. Segundo o plano de expansão da Enjoy, cidades com população superior a 200 mil habitantes podem ter uma unidade.

Atualmente, a rede contabiliza mais de 10 mil alunos ativos em todas as unidades. Além disso, oferece a cerca de 15 mil jovens cursos gratuitos de Mídias Sociais e Empreendedorismo Digital. Um diferencial que tem chamado a atenção é que a franqueadora garante ao novo franqueado as 100 primeiras matrículas para ajudar a girar o negócio em sua fase inicial.




Copyright © TOP Franquias - 2019 - Todos os direitos reservados.
Algumas imagens podem ser marcas registradas dos seus respectivos proprietários.
Termos de uso e responsabilidade